pvbet.io

<
>

Ex-UFC ataca campeão dos meio-pesados com 'cutucada' em brasileiro

Corey Anderson durante luta pelo UFC, em fevereiro de 2020 Getty Images

Em março, na Irlanda do Norte, Corey Anderson lutará pelo cinturão vago dos meio-pesados (93 kg) do Bellator contra Karl Moore, porém parece mais preocupado em atacar Jamahal Hill. Ex-lutador do UFC, o americano, que já discutiu de forma ferrenha com o compatriota em 2023, intensificou a rivalidade com o mesmo.

Em entrevista ao site ‘MMA Fighting’, Anderson minimizou não só a qualidade de ‘Sweet Dreams’, como também se currículo no esporte. De acordo com ‘Overtime’, Hill só conquistou o cinturão dos meio-pesados do UFC, porque enfrentou um Glover Teixeira em fim de carreira. Inclusive, tal encontro marcou a aposentadoria do veterano. Não satisfeito, o americano afirmou que o compatriota terá dificuldade em recuperar o título da categoria, já que o classificou como inferior na comparação com três tops dela.

“Ele falou alguma coisa sobre, ‘Você nunca vai ser isso e aquilo’, mas eu não penso nele. Eu nem disse o nome dele. Essa é a razão pela qual ele foi na minha caixa de entrada. Dei uma entrevista e não o mencionei como um dos melhores meio-pesados, então ele ficou ofendido. Ele não passa pela minha cabeça, nem pelo meu radar. Parabéns, você conquistou o cinturão, venceu um cara pelo cinturão que eu dominei com uma semana e meia de antecedência. E você foi cortado por ele um pouco. É disso que você está se gabando? Vencemos as mesmas pessoas. A divisão dos meio-pesados do UFC não é mais o que era. Ele conquistou o cinturão quando Rakic, Ankalaev e Blachowicz se machucaram. Acho que todos são melhores que ele. Ele não bateu em ninguém. Eu disse isso e ele ficou bravo”, declarou o lutador.

Quem é Anderson?

Corey Anderson, de 34 anos, integrou o UFC durante anos e teve papel de destaque nos meio-pesados, figurando com frequência no top-5 da categoria. Atualmente, o americano é um dos principais nomes do Bellator e vai disputar o título da divisão novamente. No MMA desde 2013, ‘Overtime’ construiu um cartel composto por 17 vitórias, seis derrotas e um ‘no contest’ (sem resultado). Seus principais triunfos foram sobre Glover Teixeira, Jan Błachowicz, Johnny Walker, Phil Davis e Ryan Bader.

pvbet.io Mapa do site